Blog Delta Fiat

Todos os Post

Carros antigos da Fiat: 7 modelos inesquecíveis

09 de outubro de 2020

Os carros antigos da Fiat fazem parte do imaginário dos amantes de velocidade. A montadora italiana iniciou sua trajetória no Brasil em 1976, e desde então vem ajudando a  construir a história e a identidade do mercado automotivo brasileiro. 

A lista de carros inesquecíveis é enorme, são modelos que marcaram gerações e revolucionaram o segmento no país. Vamos fazer uma visita ao túnel do tempo para relembrar um pouco dos carros antigos da Fiat que fizeram história no Brasil. 

Confira quais foram os 7 modelos que selecionamos: 
 

1. Fiat 147 (1976 a 1986)

fiat 147

O primeiro modelo da nossa lista de carros antigos da Fiat é o 147, veículo que marcou o início das vendas da marca no Brasil em 1976. O modelo era da categoria Hatch e chegou para revolucionar o segmento de automóveis no país com suas novidades. 

Um dos grandes diferenciais do Fiat 147 era sua capacidade de manter a estabilidade, tecnologia pioneira no Brasil. Outros destaques do modelo eram seu amplo espaço interno e o baixo consumo de combustível. 

Desempenho e dimensões

O Fiat 147 chegou no Brasil com 1.050 cilindradas e 55 cavalos, o que permitia uma velocidade máxima de 135 km/h. Suas dimensões eram de: 

  • Comprimento: 3627 mm (76-80) e 3745 mm (80-86)
  • Entre-eixos: 2225 mm
  • Largura: 1545 mm
  • Altura: 1359 mm
  • Peso: 796 kg (76-80) e 810 kg (80-86)
  • Consumo: 13 km/l a 18km/l

2. Fiat Panorama (1980 a 1986)

fiat panorama

O segundo modelo da lista é o Fiat Panorama, uma perua compacta de duas portas derivada do 147. Foram apenas seis anos de comercialização do modelo no Brasil, que foi substituído pela Fiat Elba em 1986. 

O Panorama mantinha todos os diferenciais do Fiat 147: contava com um excelente espaço interno, ótima estabilidade de economia de combustível. 

Desempenho e dimensões

No Brasil, a perua foi equipada com os motores 1050 e 1300, e com 55 e 61 cv respectivamente, chegando a uma velocidade máxima de 140km/h. Suas dimensões eram de: 

  • Comprimento: 3924 mm
  • Largura: 1545 mm
  • Altura: 1412 mm
  • Peso: 845 kg
  • Porta-Malas: 730L

3. Fiat Prêmio (1985 a 1994)

fia premio

O Prêmio era um sedan compacto derivado do Uno que chegou ao Brasil em 85 conquistando o público brasileiro. Em seu segundo ano de vendas no país, o modelo foi eleito o Carro do Ano pela Revista Autoesporte. 

O grande destaque do modelo era seu bom aproveitamento interno, e também pela sua capacidade de carga. O Prêmio era o veículo com o maior porta-malas dentre todos modelos vendidos no Brasil na época, com capacidade para 444 litros. 

Desempenho e dimensões

O Prêmio chegou ao Brasil com opção de motor 1.3 com câmbio manual de 4 marchas, além do seu inédito motor 1.5 que entregava 71,4 cavalos de potência e câmbio manual de 5 marchas. Mais tarde, em 1991 a Fiat lançou a versão CSL do modelo, que contava com  motor 1.6 de 84 cv. 

Suas dimensões eram de: 

  • Comprimento: 404 cm
  • Entre-eixos: 236 cm
  • Largura: 155 cm
  • Altura: 144 cm
  • Peso: 934 kg
  • Tanque: 520 l

4.  Fiat Tempra (1991 a 1999)

fiat tempora

O Tempra era um sedan médio derivado do Fiat Tipo, que chegou ao Brasil em duas versões: Prata (básica) e Ouro (mais sofisticada). O modelo apresentava um design moderno e luxuoso para a época, e sua principal característica era a traseira curta e elevada. 

Dentre os principais diferenciais do modelo estavam o amplo espaço interno, excelente capacidade para bagagem (porta-malas de 500 litros) e ótimo coeficiente aerodinâmico, de 0,28. 

Desempenho e dimensões

O Fiat Tempra conta com quatro opções de motores distintas: 1.4, com potência de 76 cavalos; 1.6 com 84 cavalos; 1.8 com 109 cv fazia uso de injeção eletrônica e válvulas duplas e por fim chegou o motor de 2.0 com 115 cv. 

As dimensões do modelo eram de: 

  • Comprimento: 4.354 cm
  • Entre-eixos: 254 cm
  • Largura: 1.695 cm
  • Altura: 1.450 cm
  • Peso: 1.260 kg (16v)
  • Tanque: 413 L

5. Fiat Tipo (1993 a 1997)

fiat tipo

O quarto modelo da nossa lista de carros antigos da Fiat é o Tipo, um Hatch que se destacou no mercado por seu excelente custo benefício. 

A montadora italiana criou um sistema otimizado de logística para colocar no mercado um veículo moderno e com bons equipamentos de série com um baixo custo. Na época o modelo custava cerca de US$ 17 mil.

O Fiat Tipo não se destacava muito por seu design, sendo seu grande diferencial  a qualidade de seus equipamentos de série: contava com controle elétrico dos vidros dianteiros, travas elétricas nas portas, direção hidráulica, banco do motorista com ajuste lombar, banco traseiro rebatível bipartido e ajuste de altura do volante. Além disso, tinha como opcionais ar condicionado, teto solar, dentre outros. 

Desempenho e dimensões

O veículo era equipado com motor 1.6 e contava com 82 cavalos de potência. Suas dimensões eram de: 

  • Comprimento: 3.958
  • Largura: 1.700
  • Altura: 1.445
  • Porta-malas: 246 litros
  • Tanque: 55 litros

6. Fiat Coupe (1995 e 1997) 

fiat coupe

O Fiat Coupé é mais um dos carros antigos da Fiat que deixaram saudades no mercado brasileiro. O esportivo compacto teve uma curta carreira por aqui, mas nem isso impediu o Coupé de se destacar entre os modelos da marca italiana. 

Seu principal diferencial era o design arrojado e sofisticado, o que o fez ser comparado com grandes máquinas na época como Ferrari e Maserati. O interior do modelo foi inclusive projetado por Pininfarina, uma renomada empresa italiana. 

Desempenho e dimensões

O Coupé contava com motores 2.0 que tinham de 133 a 233 cavalos de potência. Porém, no Brasil o modelo chegou apenas na versão com motor 2.0, com 16V e 137 cv. Suas dimensões eram: 

  • Comprimento: 4 250 mm
  • Entre-eixos: 2 540 mm 
  • Largura: 1 768 mm
  • Altura: 1 340 mm
  • Altura livre do solo: 150 mm
  • Tanque: 63 l 
  • Capacidade de carga: 295 L

7. Fiat Stilo (2003 a 2010)

fiat stilo

O Stilo era um hatch médio que chegou no Brasil em 2003. O modelo trouxe algumas novidades até então inéditas no segmento de automóveis no país, como por exemplo, a direção elétrica de série, controles de estabilidade e tração, o rádio MP3 com bluetooh e a possibilidade de até 8 airbags.

Outro grande diferencial do modelo era seu teto panorâmico, conhecido como Sky Window e também seu bom espaço interno, possibilitando maior conforto para os passageiros. 

Desempenho e dimensões

O Fiat Stilo chegou ao Brasil com duas opções de motores distintas: 1.8 litros com 8 válvulas e 103 cv e 1.8 com 16 válvulas e 122 cv; 2.4 litros com 20 válvulas e 167 cavalos. Suas dimensões eram: 

  • Comprimento: 4.180
  • Entre-eixos: 2.600
  • Largura: 1.780
  • Altura: 1.480
  • Peso: 1230/1235 na versão Dualogic e 1330 na versão Abarth
  • Tanque: 58 L

 

Posts relacionados

Extintores automotivos: principais modelos e a não obrigatoriedade de uso

06 de novembro de 2020
Os extintores automotivos ainda geram muitas dúvidas entre os motoristas. No blog vamos esclarecer alguns dos...
Leia mais

Revisão programada de carros: entenda o que é e qual sua importância

30 de outubro de 2020
No texto a seguir vamos explicar o que é uma revisão programada e quais são as vantagens de realizá-la...
Leia mais

Fiat Strada: consumo de combustível das atuais versões

20 de outubro de 2020
No texto a seguir vamos abordar um dos diferenciais da Nova Fiat Strada, o consumo de combustível. Confira!
Leia mais
Ver todos os posts